Cafeteira versus Sarney

Epitácio Afonso Pereira virou Epitácio Cafeteira ao herdar o apelido do irmão mais velho,e José Ribamar Ferreira de Araújo Costa ganhou o Sarney da pronúncia errada de“Sir”inglês,que o pai acompanhava.Os dois tiveram suas carreiras políticas paralelas atritadas e,ao mesmo
tempo,simbioticamente juntas.Sarney,hoje com 88,vai marchando para os 90,firme e atuante.Cafeteira morreu aos 93,depois de uma doença prolongada e sofrida.Juntos,eles levaram a política ao limite de suas posturas,das circunstâncias,dos conchavos e do sucesso junto ao povo,
sempre agarrados às rédeas do poder.

Brigaram a vida toda pelo poder e se juntaram a vida toda pelo poder. Eram líderes populares tanto quando estavam em guerra,como juntos. Até hoje,mesmo sem mandato,Sarney permanece no inconsciente popular depois da mais bem-sucedida carreira política na história contemporânea do país.Já Epitácio Cafeteira teve a sua glória derradeira,engolida por uma doença e pela idade,que o levaram ao túmulo esta semana.Ele se tornou um fenômeno de urna quando fazia troça, contando lorota sobre Sarney nos palanques,como seu principal opositor no Maranhão.Ironicamente,foi governador e teve o último mandato de senador pelas mãos de Sarney e sua filha Roseana.

Sarney virou um símbolo de poder e de patrimonialismo,tudo via eleições.Só não usou as urnas populares para presidente da República, mas o foi pela última eleição indireta no país.Já Cafeteira chegou ao governo no mesmo acordo que levou Sarney ao PMDB e à chapa de
Tancredo Neves.Sarney fazia política partidária e literatura na política,    até chegar à Academia Brasileira de Letras.Cafeteira não escreveu livro, mas deixou material às escâncaras para quem quiser pesquisar sua história.

Ele,como prefeito de São Luís,teve a ideia de proibir máscara nos bailes populares de carnaval,como Bigorrilho,Saravá e Ubra,além de tirar,em 1966, o bonde de circulação,único meio de transporte público da capital,desde 1924.Já Sarney construiu a Ponte do São Francisco e sapecou seu nome,além de espalhá-lo por bairros,vilas,becos,estradas,
avenidas,escolas,tribunais e até em convento.Fez a maior e mais longa oligarquia do Brasil(50 anos),enquanto Cafeteira nem grupo político tinha.Deixou de legado o sobrinho Rogério Cafeteira como deputado, enquanto Sarney tenta voltar,pela quinta vez,a filha Roseana,ao Palácio dos Leões.Resultado:Sarney só foi presidente por acordo com o PMDB,envolvendo Cafeteira.E cafeteira só foi governador porque Sarney era presidente da República.

Deixe uma resposta