Terceirização mofenta

O projeto da terceirização irrestrita do trabalho no país, que o presidente Michel Temer deve sancionar logo, antes de passar pela Câmara, foi aprovado pelo Senado no distante ano de 1988. Dos 81 senadores de então, 29 integrantes já morreram, dentre eles, Romeu Tuma, Pedro Piva, Antônio Carlos Magalhães, Artur da Távola e Humberto Lucena, Bello Parga.

Deixe uma resposta